Futebol Formação

O que significa ser Entidade Formadora de 4 estrelas?

Fonte: GD Chaves

O Desportivo de Chaves anunciou que a Federação Portuguesa de Futebol finalmente certificou o clube como Entidade Formadora de 4 estrelas. No entanto, dúvidas podem surgir entre os associados sobre o que isto significa, por isso, vamos tentar explicar a importância deste certificado.

 

Em vista a criar uma estrutura de formação de maior qualidade, a FPF criou o Manual de Certificação de Entidades Formadoras, como forma de avaliar o futebol formação dos emblemas do futebol português. Desde a subida à Primeira Liga, o Chaves divulgou que procurava subir na avaliação da Federação, como forma de celebrar contratos de formação com jovens jogadores, o que permitiria um maior e melhor recrutamento para a formação flaviense.

 

O Processo de Certificação envolve nove critérios com diferentes pontuações:

 

-Planeamento e Orçamento (10 pontos): Ter uma missão definida por escrito, ter equipa B/Satélite, ter um diretor de formação presente no processo estratégico, no mínimo 8% do orçamento total do clube dedicado à formação, ter fontes de receita e despesas apresentadas por percentagem no orçamento.

-Estrutura Organizacional (10 pontos): O futebol de formação estar presente na estrutura do clube, reportar diretamente à direção, ter normas de conduta e de acompanhamento dos jogadores, articulação com o futebol sénior vincada.

-Recrutamento (10 pontos): Ter uma estrutura de recursos humanos para o recrutamento, ter definida a política de recrutamento, evidenciar a quantidade de jogadores que residem a mais de uma hora das instalações, assegurar estadia, acompanhamento e legalidade na chegada de jogadores estrangeiros, ter solução de residência para jogadores deslocados da casa das famílias, evidenciar o número de equipas e jogadores por escalão.

-Formação Desportiva (15 pontos): Plano de formação desportiva completo com modelos de jogo, modelos de jogador, características principais dos aspetos tecnico-tático, físicos e psicológicos etc. Ter um dossier de treino fichas de jogo, convocatórias, dados estatísticos, etc. Ter 10 equipas/grupos de petizes, traquinas e benjamins, 4 equipas de infantis e iniciados, 2 de juvenis e uma de juniores no mínimo.

-Acompanhamento médico-desportivo (10 pontos): Ter uma estrutura médica integrada no clube dedicada ao futebol de formação, ter um médico com pós-graduação em medicina, colaboração de um ortopedista, um clínico geral e de serviço de fisioterapia e enfermagem, ter relatórios médicos detalhados sobre cada jogador, ter um plano de alimentação para os jogadores, ter um elemento com formação em suporte básico de vida presente na altura do treino, ter salas de observação, tratamento, recuperação, material de primeiros socorros e um desfibrilhador.

-Formação Pessoal e Social (10 pontos): Ter todos os jogadores inscritos numa escola, acordo com escolas para compatibilização da atividade escolar com a desportiva, promoção do sucesso escolar, ter um gabinete que acompanhe a vida escolar dos atletas e salas de estudo para os residentes, acompanhamento dos jogadores residentes, fazer uma ação de formação sobre as leis do jogo e ética desportiva, ter a colaboração de um psicólogo.

-Recursos Humanos (15 pontos): Ter um diretor de formação com curso UEFA A e seis anos de experiência como treinador, ter um preparador físico, ter um técnico de análise do desempenho, ter um psicólogo, um responsável pelo acompanhamento escolar, etc.

-Instalações (10 pontos): Ter campos suficientes para metade dos treinos das equipas seja em campo inteiro, balneários com capacidade para 20 jogadores, gabinetes equipados para o diretor da formação e diretor técnico, salas de reuniões, sala de estudo, ginásio com capacidade para 20 a 30 atletas, ter condições de alojamento com quartos duplos, casas-de-banho, salas de estudo, serviço de lavandaria, etc.

-Produtividade (10 pontos): Mínimo de quatro jogadores integrados na equipa principal nos últimos três anos, ter três jogadores formados com mais de 50% de utilização, usar a equipa B/satélite como transição para a equipa principal, quantificar o retorno económico dos jogadores formados, etc.

 

A soma dos valores dá a qualidade da formação dos clubes, que tem quatro níveis:

 

-Entidade Formadora de 4 ou 5 Estrelas: 90 a 100 pontos = 5 estrelas; 70 a 89 pontos = 4 estrelas

-Entidade Formadora de 3 estrelas: mínimo de 50 pontos

-Escola de Futebol de 1 ou 2 estrelas: até 49 pontos

-Centro Básico de Formação de Futebol: sem os requisitos mínimos para se aplicar a entidade formadora

 

Para chegar ao atual nível de 4 estrelas, o Desportivo de Chaves precisou de atingir, então, os 70 pontos nos vários critérios escritos acima, que permitem ter uma formação certificada e consolidada, com recursos humanos e instalações suficientes para ter um processo de formação que permita alimentar a equipa principal. Assim, a formação do Desportivo de Chaves está certificada pela própria FPF como uma formação de qualidade e a melhor de Trás-os-Montes.

 

Que a formação consiga dar jogadores de qualidade ao Desportivo nos próximos anos.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *