GD Chaves quer fazer história frente ao Benfica: “não há duas sem três”

Vítor Campelos antevê jogo com o Benfica
Fonte: GD Chaves

 

Depois do Sporting e depois do Braga, é altura do Desportivo de Chaves ir ao estádio da Luz. Numa época de vitórias inéditas, Vítor Campelos quer voltar a fazer história.

 

“Gostava que se concretizasse e que, na realidade, não houvesse duas sem três. Sabemos que vamos ter e encontrar grandes dificuldades, mas também sabemos que estamos preparados, sabemos aquilo que temos feito e, por isso, temos de estar confiantes para o jogo que vamos fazer”, disse o técnico flaviense.

 

Frente-a-frente vai estar um dos orçamentos mais modestos da Primeira Liga com uma das mais milionárias carteiras da Primeira Liga. Mas quando o jgoo começar, os orçamentos passam para segundo plano.

 

 

“Sabemos da decalagem que há entre a equipa com o ‘budget’ mais alto e a que tem o ‘budget’ mais baixo, mas quando o árbitro apitar são 11 jogadores dentro do campo e os nossos têm de acreditar muito nas suas capacidades, acreditar nos colegas e no trabalho que está a ser feito.”, aponta.

 

Quanto ao que o campeonato pode trazer para o Desportivo de Chaves, o treinador flaviense afasta euforias e olha para o calendário jogo a jogo.

 

“Isto é uma maratona e cada semana tem uma prova de 100 metros. Estamos muito contentes por, à 10.ª jornada, termos 15 pontos, mas sabemos que ainda faltam muitos para atingirmos o nosso primeiro objetivo que é consolidar o Chaves nesta Primeira Liga. Estamos felizes e tem de nos trazer confiança e dar-nos ainda mais alento para o resto do campeonato.”

 

O Desportivo de Chaves visita o Benfica às 18H00 deste sábado, em jogo da 11.ª jornada da Primeira Liga e com transmissão na BTV.

Outras publicações