GD Chaves tem 12 jogadores em fim de contrato para a nova época

Fonte: GD Chaves

 

O verão promete ser agitado em Trás-os-Montes, com várias entradas e saídas previstas no Desportivo para o regresso à Primeira Liga. Entre os dossiês que têm de ser resolvidos, os responsáveis flavienses contam com nada menos que 12 jogadores à beira de terminarem contrato.

 

Entre eles, há nomes bastante sonantes: os guarda-redes Paulo Vítor e Ricardo Moura, os defesas Nuno Campos e Luís Rocha, os médios Obiora, Paulinho, João Teixeira e João Mendes, os avançados Adriano Castanheira, Platiny, Nicolas e Wellington.

 

Destes jogadores, há alguns que podem renovar, outros que podem ser dispensados e outros que podem aceitar propostas melhores além-fronteiras. Wellington é um desses casos e a continuidade no GD Chaves será muito difícil. Já Paulinho despediu-se do clube nas redes sociais e deve voltar ao Brasil.

 

Nem ter contrato com os Valentes Transmontanos garante diretamente que se vai seguir com a equipa para a Primeira Liga. Há 17 jogadores com vínculo com o Desportivo.

 

O guarda-redes Samu, tal como os defesas João Correia, Alexsandro, João Queirós, Rúben Pereira, Bruno Langa e Joel Pereira. No meio-campo, Nuno Coelho, Kevin Pina, Bernardo e Guima têm contrato, tal como os avançados Batxi, Juninho, Pedro Ribeiro, Picas, Jô e Patrick.

 

Ainda assim, quatro destes jogadores passaram mais tempo no Pedras Salgadas, enquanto Alexsandro, João Correia e Bruno Langa podem ter mercado e gerar uma receita importante para o Chaves.

 

Ainda antes destas decisões serem tomadas, há duas posições que requerem uma resposta urgente. Vítor Campelos ainda não decidiu se fica no Desportivo, apesar dessa ser a vontade da SAD. A administração tem o mesmo desejo com o diretor desportivo Paulo Cabral.

 

Aguarda-se que uma decisão do técnico que garantiu a subida seja tomada ainda esta semana, passados os “3 ou 4 dias com o telemóvel desligado” que quis tirar para descansar da longa mas gloriosa temporada.

Outras publicações

Leave a Comment