Boavista 1-1 GD Chaves: Jô salva um ponto

GD Chaves salva empate frente ao Boavista
Fonte: Liga Portugal

 

Foi atabalhoado, sem brilho algum, mas o Desportivo de Chaves sai do estádio do Bessa com um empate frente ao Boavista. Um ponto salvo pelo herói improvável: Jô Batista.

 

A primeira foi para esquecer. O Chaves quase não passou do meio-campo e levou um “amasso” dos axadrezados. O 1-0 chegou com naturalidade aos 27 minutos, num pato autêntico de Paulo Vítor a ajudar à festa.

 

 

Sem remates à baliza e com uma exibição constrangedora, jogadores e adeptos sopraram de alívio quando o árbitro mandou toda a gente para os balneários.

 

O intervalo trouxe um valente puxão de orelhas por parte de Vítor Campelos, que fez três alterações logo aos 57 minutos, com a entrada de Mendes, Singh e Euller para mexerem com o jogo.

 

Mais agressivo, João Teixeira esteve perto do golo aos 75 minutos, mas Bracali respondeu com a defesa da noite. Quando ninguém dava nada pelo Desportivo, Jô subiu a um canto e aproveitou uma bola perdida para rematar forte para o 1-1, que deu um ponto caído do céu no fecho da primeira volta.

 

HOMEM-DO-JOGO

 

Jô Batista
Fonte: GD Chaves

 

Jô Batista – Saiu do banco nos últimos dez minutos e foi letal numa das poucas oportunidades do GD Chaves. Deu um ponto aos flavienses, quiçá injusto, mas que é bem saboroso.

 

O DESAPARECIDO

 

Jonny Arriba
Fonte: GD Chaves

 

Jonny Arriba – Que exibição tão apagada do espanhol e logo numa altura em que podia lutar pelo lugar de Luther Singh, sempre desfalcado. Mas nem Arriba, nem Abass mostraram oq ue quer que seja, num jogo desligado do ataque flaviense.

 

DISCURSO DIRETO

 

Jô Batista: “É um golo fruti de muito trabalho e dedicação. Surgiu a oportunidade de entrar, marquei e é um ponto muito importante fora de casa. Temos de dar consequência e procurar mais pontos.”

 

Vítor Campelos: “Começamos muito passivos e o Boavista foi avassalador, mas conseguimos inverter o panorama, crescemos e voltámos a ser o que queremos. O resultado ajusta-se ao que o Chaves realizou após o descanso. Reforços? A administração está atenta.”

Outras publicações