Chaves Satélite à caça de talentos “perdidos” no CPP

Responsáveis pela formação secundária mostraram enorme vontade em desenvolver jovens com potencial, procurando jogadores que se revelaram no terceiro escalão do futebol nacional.

 

Após a conquista da Divisão de Honra da AF Vila Real, a equipa satélite do Desportivo deparou-se com o obstáculo complicado de desenvolver uma equipa que conseguisse juntar competência a muita juventude, impedindo uma queda à distrital que prejudicaria o progresso da próxima geração vinda das camadas jovens. Para evitar esse desastre, e tendo em conta o desempenho paupérrimo dos juniores na última época, foi preciso ir buscar os jogadores com potencial lá fora e a aposta recaiu nos jovens que mostraram serviço na última temporada do CPP.

 

Assim, o Desportivo apenas promoveu dois ex-juniores à equipa secundária, com Abdul Ibrahim e Moises Nnang a terem a oportunidade de trabalhar com Carlos Guerra, aproveitando-se também para apostar em jogadores jovens que realizaram muitos jogos na época passada em diferentes equipas do CPP, como o guarda-redes Samu (ex-junior do Mondinense), os defesas Tiago Palancha (18 jogos e 1 golo no Gafanha), Tuca (24 jogos no Mondinense), Marlon Rangel (29 jogos e 1 golo no Cinfães), os médios Pedro Pedroso (27 jogos e 4 golos pelo Armacenenses), Aboubakar Njoya (26 jogos no Pedras Rubras) e os avançados Ivan Machado (31 jogos e 11 golos no Atl. Arcos), Aliu Ronaldo (20 jogos e 1 golo no Montalegre) e Diogo Tavares (23 jogos e 3 golos no Leixões B). Dos seniores, duas contratações de verão trabalham agora na segunda equipa, o médio David Moura e o avançado João Paredes, além do terceiro guarda-redes João Paulo.

 

A um plantel que manteve boa parte da espinha dorsal com a continuidade de Nuno Dias, Sabinbi, Francisco Delgado, Ricardo Silva, Simão Martins, Hélder Almeida, Ruca, Faissal, João Bachi, Afonso Oliveira e o veterano Gustavo Souza, a administração do Desportivo de Chaves mostrou esperança no potencial dos jovens da equipa B, dando contratos profissionais a Faissal, Ruca, Afonso, Simão, Ibrahim e Sangaré, promovendo permanentemente o jovem Mica Borges ao plantel principal.

 

Plantel do Chaves B 2018/19:

 

Guarda-redes: Nuno Dias, João Paulo, Samu.

Defesas: Sabinbi, Francisco Delgado, Ricardo Silva, Tiago Palancha, Pedro José, Marlon Rangel, Abdul Ibrahim, Simão Martins.

Médios: Pedro Pedroso, Aboubakar Njoya, Ruca, Faissal, Hélder Almeida, Sangaré.

Avançados: Afonso Oliveira, Ivan Machado, Aliu Ronaldo, Moises Nnang, João Bachi, Diogo Tavares, Gustavo Souza, João Paredes.

Start a Conversation

O seu endereço de email não será publicado.