Equipa Principal

OFICIAL: Tiago Fernandes é o novo treinador do GD Chaves

Foto: Eduardo Costa/Lusa

Técnico de 37 anos chega dos sub-23 do Sporting para suceder a Daniel Ramos, numa época em que já treinou os seniores leoninos em três jogos.

 

Está encontrado o novo timoneiro da nau azul-grená. Depois da saída de Daniel Ramos na segunda-feria, a administração da SAD do Desportivo virou-se para o jovem treinador Tiago Fernandes para mudar o rumo da equipa flaviense, fazendo a viagem entre Alvalade e Trás-os-Montes para a sua primeira aventura enquanto treinador principal a tempo inteiro.

 

Aos 37 anos, o timoneiro natural do Montijo conta já com uma década de futebol, acompanhando o pai, o histórico avançado leonino Manuel Fernandes, na equipa técnica de União de Leiria e Vitória de Setúbal, seguindo-se sete anos de trabalho nas camadas jovens do Sporting, subindo na escada até chegar ao comando dos juniores. Nos jovens leoninos, o agora técnico flaviense venceu um campeonato nacional em três anos, terminando as outras duas temporadas como vice-campeão, mas também acabou por ser destaque por outros motivos: a sobranceria e o pedestal em que se colocou após uma derrota por 0-1 contra o Barcelona para a Youth League revelaram um ego pesado e um forte snobismo no treinador, com a frase “não há ninguém que saiba mais de futebol que eu” a não cair bem a Luís Boa Morte, antecessor de Tiago Fernandes nos juniores leoninos, que acusou o agora técnico do Chaves de ser “um verdadeiro lambe-botas”.

 

Esta época foi adjunto de Peseiro na equipa principal dos verdes-e-brancos, ficando com o cargo de técnico principal interinamente durante três jogos, com duas vitórias (uma delas contra o Chaves) e um empate, frente ao Arsenal, para a Liga Europa. Depois da chegada de Marcel Keiser ao Sporting, Tiago Fernandes passou para o comando da equipa sub-23, onde cumpriu dois jogos e conseguindo dois empates, um deles contra o Benfica.

 

Agora em Trás-os-Montes para comandar um Desportivo ansioso por sair do fundo da tabela, o treinador montijense vai ter um grande desafio pela frente na estreia enquanto técnico principal, mas espera-se que consiga colocar no campo aquilo que lhe deu tão boa imprensa quando ficou como treinador interino no Sporting.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *