Crónicas do Topo Sul

FC Vizela 1-1 GD Chaves: Flavienses salvam um pontinho de penálti

Zé Tiago salvou um ponto para o GD Chaves com um penálti aos 90 minutos
Fonte: Liga Portugal

O GD Chaves protagonizou a exibição mais desapontante da época frente ao recém-promovido FC Vizela. Num relvado empapado do estádio Capital do Móvel, foi sofrer, sofrer e sofrer para os comandados de Carlos Pinto, que só garantiram um ponto em cima dos noventa, através de uma grande penalidade.

 

Mas já lá vamos: sem o lesionado João Correia, o técnico flaviense lançou dois laterais-esquerdos de início, com João Reis a jogar na ala direita e a estrear-se de azul-grená esta época. Com André Luís indisponível, Luís Silva apareceu no meio-campo ao lado de Benny, com João Teixeira, Zé Tiago, Batxi e Roberto a fecharem o ataque.

 

A primeira oportunidade até caiu para os Valentes Transmontanos, num remate de longe de João Reis que causou um calafrio aos vizelenses, mas desde aí que o Desportivo desapareceu da partida. Pouco depois, um livre direto quase deu golo para o FC Vizela, mas Paulo Vítor respondeu com uma grande defesa. Aos 28 minutos, Zag entrou pela área flaviense dentro e rematou cruzado, mas a bola saiu por palmo ao lado do poste.



O intervalo chegou com o nulo e uma exibição pobre do GD Chaves, que ainda não percebia que não podia recriar-se com a bola, já que os adversários pressionavam e o campo não permitia brincadeiras com a bola. Na segunda parte, esta situação demorou a mudar.

 

Aos 56 minutos, boas notícias para o Desportivo com o segundo amarelo a ser mostrado a Ericson. Porém, a superioridade numérica redundou em golo para… o FC Vizela. Zé Tiago fez um mau passe, há um cruzamento, José Gomes despacha a bola aos trambolhões e Francis Cann remata de fora da área para o 1-0. Grande golos dos locais e um balde de água frica para o GD Chaves.

 

Os flavienses tiveram imensas dificuldades em chegar à área adversária e criar perigo, mas já nos últimos minutos conseguiram acordar. Em cima dos noventa, João Reis foi carregado dentro da área do FC Vizela e o árbitro assinalou a grande penalidade. Chamado a marcar, Zé Tiago fez o 1-1 e salvou um ponto para o GD Chaves. Ainda houve mais dois lances duvidosos na área do adversário, mas os flavienses regressam mesmo a Trás-os-Montes com um apenas um ponto.

 

HOMEM DO JOGO

 

Fonte: GD Chaves

 

Zé Tiago – Teve algumas responsabilidades no golo, mas foi um dos poucos jogadores do GD Chaves  a pensar com a cabeça. Enquanto os colegas perdiam-se a brincar na areia, o experiente médio procurava soluções para evitar a derrota. Acabou por ter sucesso ao converter o penálti que deu o empate para os Valentes Transmontanos.

 

O DESAPARECIDO

 

Fonte: GD Chaves

 

João Teixeira – Santa azelhice. Perdia demasiado tempo com a bola, tentava sempre driblar mesmo com o campo empapado e os adversários a não caírem nas brincadeiras do médio e não acertou uma única das mais de 10 bolas paradas que bateu. Está no bom caminho para perder o lugar para Niltinho não tarda…

 

COMENTA ESTE ARTIGO

O seu endereço de email não será publicado.