O GD Chaves recebe amanhã o Famalicão, naquele que poderá ser o último jogo desta época no Municipal, e digo poderá porque ainda que muito remota há ainda a possibilidade de jogar a segunda mão do playoff, mas repito muito remotamente.

O jogo de amanhã apresenta-se então como uma despedida da primeira liga no Municipal flaviense, e embora haja ainda muita gente com esperanças, se formos realistas a coisa muda de figura. É pedir a um equipa que venceu apenas 4 jogos em toda a época, para ganhar ao Famalicão em casa (noutras épocas exequível), e ir ganhar a alvalade ao já campeão nacional repetindo o feito alcançado a época passada mas mais parcos de qualidade, moral e jogo. E como se não bastasse, esperar que o Portimonense perca os próximos dois jogos. Portanto penso que a matemática vai por terra se formos realistas.

 

Para este jogo, Moreno não pode contar com os lesionados Cafú Phete, Pedro Pinho e Carraça, aos quais se junta junior Pius que cumpre castigo depois da expulsão infantil do jogo contra o Porto. Por outro lado já poderá contar com Rafa Guzzo que regressa depois de cumprir castigo por acumulação de amarelos.

 

No caso do Famalicão a única baixa para Armando Evangelista é o seu homem golo, Jhonder Cadiz viu 5º amarelo na vitória da última jornada e não poderá defrontar o Desportivo no jogo de amanhã.

 

MORENO (PARECE) MAIS RESIGNADO

 

 

Confrontado com a importância do jogo, e com as contas necessárias para a manutença, o treinador do Chaves quer “oferecer a vitória” aos adeptos porque “tiveram uma época muito difícil”. Sem se alongar muito no que poderá ser o jogo, ou a comentar o adversário, ou o que poderá ser o jogo, Moreno respondeu apenas a uma questão dizendo que “a equipa vai se focar apenas no que pode controlar que é tentar a vitória para oferecer aos adeptos” neste que (pode ser) o último jogo da época em casa.

 

O que tiver de ser… será!

 

JOGADOR A TER EM ATENÇÃO

 

Luiz Junior: O guarda redes brasileiro de 23 anos é sem dúvida um, senão o melhor jogador desta equipa, com 32 jogos realizados esta época, o guardião famalicense tem uma média de apenas 1.2 golos sofridos, e já defendeu 3/8 grandes penalidades só esta época, apesar da sua juventude, é dono de uma frieza e reflexos que normalmente só se começam a ver em guarda redes com idades mais avançadas. Mas nem só de defesas vive o Fama, que conta no seu 11 tipo com jogadores como Gustavo Sá, Francisco Moura, Zaydou, Puma rodrigues ou Chiquinho, sendo que do banco pode sair Aranda que começou a época em destaque, mas foi perdendo protagonismo. Portanto vida muito dificil que se antevê para a equipa da casa.

 

ONZES PROVÁVEIS

 

GD Chaves – Hugo Souza; Sandro Cruz, Vasco Fernandes, Ygor Nogueira, João Correia e Sylla; Kelechi, Dário Essugo e Guzzo; Ruben Ribeiro e Héctor Hernandez.

 

FC Famalicão – Luíz Junior; Martín, Mihaj, de Haas e Francisco Moura; Zaydou, Topic e Gustavo Sá; Chiquinho, Puma Rodriguez e Aranda.

 

ÚLTIMOS CONFRONTOS

 

2022/23 – GD Chaves 0-2 FC Famalicão

2015/16 – GD Chaves 0-0 FC Famalicão

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

P