Penafiel 2-1 GD Chaves: Desconcentração pagou-se caro

Fonte: GD Chaves

 

12 partidas depois, a derrota chega ao Desportivo de Chaves. Na difícil deslocação a Penafiel, os flavienses pareceram uma sombra do que costumam mostrar e não aproveitam o desaire do Feirense, num jogo visto da bancada por Vítor Campelos, a cumprir castigo.

 

Belo trabalho de Jô a passar por um adversário e a rematar, mas Caio fez uma grande defesa. Respondeu o Penafiel, com um canto a resultar num cabeceamento à barra.

 

O jogo foi equilibrado, mas com o Desportivo a contar com algumas aproximações perigosas à baliza duriense, mas Jô a não ter sorte na finalização.

 

Quase 500 adeptos flavienses estiveram em Penafiel Fonte: GD Chaves

 

O golo só surgiu à beira do intervalo: grande cruzamento de Batxi para o segundo poste, okde Wellington desviou para o 1-0. Nono golo da temporada para o brasileiro.

 

A segunda parte abriu praticamente com o golo do empate, numa combinação do ataque do Penafiel que acaba em azar, num remate de João Amorim desviado por Luís Rocha, que engana por completo Paulo Vítor.

 

A reviravolta surgiu já nos últimos dez minutos e numa fotocópia do primeiro golo: bola na direita, cruzamento par atrás e o remate de Edson Farias a selar o 2-1 para o Penafiel.

 

O Desportivo tentou responder de seguida, com o recém-entrado Adriano Castanheira a aparecer na cara de Caio, mas o guarda-redes conseguiu defender e confirmou o regressoàs derrotas dos flavienses.

 

HOMEM-DO-JOGO

 

Wellington Carvalho
Fonte: GD Chaves

Wellington – Desbloqueou o nulo com um remate oportuno ao segundo poste, naquele que é o nono golo do extremo brasileiro esta temporada. Voltou a brilhar, mas não o suficiente para se regressar às vitórias.

 

O DESAPARECIDO

 

Obiora
Fonte: GD Chaves

 

Obiora – Pareceu aquém do esperado, faltoso e com pouca capacidade para ligar o jogo com o ataque. Está a perder um pouco de gás e o destaque está a passar para o colega de posição Kevin Pina. Melhores dias virão.

 

DISCURSO DIRETO

 

Marco Alves: “Não foi um jogo bem conseguido da nossa parte. Acontece, a outra equipa tem muito valor, com jogadores para outros voos. Não houve grandes oportunidades, foram pormenores. Faltou ligar-nos entre os setores, tivemos pouca posse de bola e controlo. Exagerámos na exploração das costas da defesa”

 

Luís Rocha: “Frustração acima de tudo. Não foi um jogo bem conseguido da nossa parte. É mais demérito nosso que do Penafiel. Queríamos ganhar, também pelos adeptos, mas a Segunda Liga é muito competitiva e temos que ganhar no próximo fim-de-semana”

Outras publicações

Leave a Comment