Crónicas do Topo Sul

Casa Pia 1-2 GD Chaves: Primeira parte de luxo basta para a terceira vitória seguida

Fonte: GD Chaves

 

O GD Chaves é cada vez mais candidato à subida de divisão. Na deslocação ao terreno do Casa Pia, os comandados de Vítor Campelos fizeram uma primeira parte de grande nível, mas ainda tiveram de suar para garantir os três pontos.

 

O GD Chaves entrou com a corda toda e logo nos primeiros minutos Benny obrigou o guarda-redes a uma grande defesa. Aos 11′, um remate já na área de João Batxi também foi defendido com grande nível por Ricardo Batista.

 

Mas tanto forçou o Desportivo que chegou ao golo pouco depois dos 15 minutos: canto na direita batido por Batxi e Luís Rocha a cabecear forte para o 1-0, sem hipóteses para o guarda-redes da casa.

 

Nem dois minutos passaram e as redes da baliza do Casa Pia voltaram a abanar. Mais um canto do avançado angola a gerar confusão na área e Roberto a rematar para o 2-0. Segundo jogo seguido a marcar do experiente ponta-de-lança.

 

João Batxi fez as assistências para os dois golos do Desportivo Fonte: GD Chaves

 

O GD Chaves continuou por cima do jogo, mas faltaram boas decisões na ida para o ataque, senão a vantagem podia ser maior no intervalo.

 

Na segunda parte, o cenário foi completamente diferente. O Casa Pia entrou mais determinado e esteve perto do golo, com um corte de Luís Rocha a levar a bola ao poste da própria baliza. Na jogada seguinte, valeu João Correia a tirar a bola de cima da linha após um cabeceamento.

 

O GD Chaves tinha dificuldades para criar perigo e a desinspiração de João Teixeira não ajudou. Numa das jogadas, o médio tinha espaço para oferecer o golo a Roberto, mas tentou a sorte e rematou ao lado.

 

De tantos calafrios que o Desportivo sofreu, acabou por resultar o golo do Casa Pia já na compensação: Cabeceamento de Camilo para o 2-1 final, num lance em que Paulo Vítor percipitou-se a sair da baliza. Mas nada havia a fazer e a vitória rumou a Trás-os-Montes, com o GD Chaves a ficar a apenas três pontos do segundo lugar.

 

HOMEM-DO-JOGO

 

Fonte: GD Chaves

 

João Batxi – O avançado angolano fez a diferença no GD Chaves. Numa equipa tão limitada nas bolas paradas, Batxi voltou a dar uso destas oportunidades e fez, precisamente através de cantos, as duas assistência para golo. Bom jogo do avançado, que vai recuperando a boa forma sob o comando de Vítor Campelos.

 

O DESAPARECIDO

 

Fonte: GD Chaves

 

João Teixeira – Do outro lado da moeda está o médio flaviense. Inconstante continua a ser a palavra para definir João Teixeira, que esteve completamente apagado diante do Casa Pia. A dificuldade em decidir bem os lances acabou por privar o GD Chaves de uma vantagem mais elevada.

 

DISCURSO DIRETO

 

Luís Rocha: “Troféu (homem-do-jogo da Liga Portugal) é importante porque a equipa ganhou. Dedicar o prémio à equipa pelo que tem feito nas últimas semanas de trabalho. Candidatura? É só mais um jogo ganho, mas acredito que temos tudo para estar na Primeira.”

 

Vítor Campelos: “Fizémos uma excelente primeira parte, a vencer por 2-0 e até podíamos ter resultado mais dilatado. O Casa Pia é um dos melhores plantéis da Segunda Liga. Na segunda parte tínhamos de ter mais calma e discernimento. Estou extremamente feliz por este resultado. Subida? Olhe, quem não fui utilizado já está a treinar. Somos candidatos a trabalhar, amanhã já vamos preparar o próximo jogo e no fim da época fazemos contas.”

COMENTA ESTE ARTIGO

O seu endereço de email não será publicado.