GD Chaves 2-0 SC Covilhã: Olá, lugares de subida!

Fonte: GD Chaves

 

O GD Chaves soma e segue sob a batuta de Vítor Campelos. Num duelo de serranos, os flavienses levaram a melhor sobre o SC Covilhã, somam a quarta vitória seguida e colam-se aos lugares de subida à Primeira Liga.

 

Os Valentes Transmontanos começaram por cima, com Benny a combinar com Roberto e a rematar à baliza, mas o guarda-redes conseguiu a defesa. Seguiu-se João Reis a tentar surpreender de longe, mas sem sucesso.

 

Com o Desportivo a ser mais produtivo no ataque, o golo voltou a pairar pela baliza do SC Covilhã: Juninho trabalhou bem, passou por um adversário e rematou forte à meia-volta, mas a bola saiu pouco ao lado da baliza e o nulo manteve-se ao intervalo.

 

A segunda parte abriu com um momento feliz para o GD Chaves, depois de Bernardo Martins derrubar Roberto na área e o árbitro a assinalar penálti. Chamado a marcar, o próprio avançado não desperdiçou e fez o 1-0. Terceiro jogo seguido a marcar do experiente jogador.

 

Valentes Transmontanos somam a quarta vitória seguida e vivem a melhor forma da temporada Fonte: GD Chaves

 

O SC Covilhã acordou com o golo e foi à procura do empate. Aos 59 minutos, um remate forte e cruzado na direita assustou, mas Paulo Vítor segurou a bola. Logo a seguir, um cruzamento-remate deu um calafrio ao Chaves, mas o guarda-redes esticou-se e evitou males maiores.

 

Por ironia do destino, o momento mais forte dos verdes-e-brancos acabou por levar ao 2-0: canto na esquerda para os serranos, a bola e cortada e Juninho arranca numa corrida desenfreada até à área contrária, onde ofereceu a bola a João Correia e o lateral não desperdiçou e aumentou a vantagem.

 

Mais confortável no jogo, o Dssportivo baixou a equipa e passou a ser mais calmo nos ataques. Aproveitou o SC Covilhã para chegar perto da baliza e quase marcou, mas valeu João Correia a tirar a bola de cima da linha e, na recarga, a falta de pontaria de Gilberto.

 

O GD Chaves soma a quarta vitória seguida com Vítor Campelos no comando e fica colado aos lugares de subida, numa altura em que faltam seis jornadas para terminar o campeonato.

 

HOMEM-DO-JOGO

 

Fonte: GD Chaves

 

João Correia – Enorme jogo do lateral flaviense. Não parou um segundo, esteve sempre com as baterias no máximo e foi recompensado com o golo da vitória. Do outro lado, salvou em cima da linha o golo do SC Covilhã. Em grande!

 

O DESAPARECIDO

 

Fonte: GD Chaves

 

Wellington – Não é que o brasileiro tenha feito disparates atrás de disparates, mas entrou para o lugar do Super-Juninho e viu-se bem a falta do extremo. Wellington tem qualidade, mas continua a mostrar grandes dificuldades na hora de decidir. Com Juninho em forma, pode “desaparecer” no conjunto azul-grená.

 

DISCURSO DIRETO

 

João Correia: “O mais importante é ter ganho. Continuar os bons resultados. Subida? Nós só pensamos jogo a jogo, com humildade, para chegar aqui e dar esta resposta.”

 

Vítor Campelos: “Parabéns aos jogadores pela atitude, determinação e o querer vencer. Ia ser um jogo de paciência e esperar pelo momento certo. Surgiu o primeiro golo e conseguimos desbloquear o jogo. A organização é a chave. Só assim conseguimos ganhar. Somos humildes, temos de transmitir aquilo que são as gentes de Trás-os-Montes. Ainda não ganhámos nada.”

Start a Conversation

O seu endereço de email não será publicado.